A Coreia do Sul e Relacionamentos Famosos

Por Espectro Girl

Todos sabem que Taylor Swift trabalha grande parte de suas músicas com base em seus antigos relacionamentos amorosos; recentemente até Selena Gomez veio à tona relembrando um antigo relacionamento.

Vários artistas deixam seus relacionamentos amorosos expostos para o público, mas, por que no k-pop isso parece ser algo de outro mundo?

As empresas de entretenimento sul coreanas trabalham com seus artistas através de um contrato, e no próprio já está estipulado um tempo no qual eles não podem se envolver em qualquer tipo de relacionamento amoroso; caso isso ocorra pode resultar até mesmo em expulsão.

Empresas como a JYP E. deixam em seus contratos um tempo de três até cinco anos com essa restrição, algumas estabelecendo sete anos de contrato sem poderem se envolver em qualquer tipo de escândalo. Mas, afinal, qual o motivo de todo esse alvoroço com a vida pessoal dos famosos?

Os assim conhecidos k-idols entram na indústria muitos jovens; o cantor Park Jisung do grupo NCT Dream, por exemplo, está em sua empresa (SM E.) desde seus 9 anos, quando passou a receber treinos intensos para se tornar perfeito; os homens e mulheres ideais com uma imagem imaculada, e isso agrada as fãs nacionais que são os maiores focos de vendas.

A Coreia do Sul possui uma cultura muito conservadora, sendo assim os artistas sempre devem pregar uma imagem angelical, fofa e inocente, se encaixando nessa cultura que as fãs consomem exageradamente; caso saia desse padrão e as incomode, as vendas iram cair de forma que a empresa sairá prejudicada pela ação do artista fora do padrão; muitas dessas fãs até mesmo se imaginam em um relacionamento amoroso com esses artistas, causando grande revolta quando saem rumores de algum suposto relacionamento.

Taeyeon recebendo ameaças no aeroporto

Até meados de agosto de 2018 os relacionamentos entre artistas eram quase inexistentes, e aqueles que arriscavam aparecer eram apedrejados até que fossem desmanchados, como no caso de Taeyeon (Girls Generation) e Baekhyun (EXO) em 2014, quando fãs do rapaz chegaram a ameaçar a cantora no aeroporto exigindo um término e um pedido de desculpa por “roubar o homem delas”.

Como tudo na indústria musical, boatos surgiram em julho de 2018 sobre um suposto relacionamento entre Hyuna (solista) e E’Dawn (ex Pentagon), ambos pertencendo à empresa Cube E. A própria Hyuna afirmou que era apenas um mal-entendido, que ambos eram somente grandes amigos e nada mais. Em 02/08/2018 ambos assumiram o relacionamento em suas redes sociais, afirmando que a empresa estava mentindo e que estavam juntos a mais de dois anos.

Em menos de suas semanas ambos foram expulsos da empresa.

Foi nessa época que tudo começou a mudar; mesmo sendo expulsos e sem patrocínio algum, o casal permaneceu junto o tempo todo e seguiu em frente; isso assustou o público sul coreano que já estava acostumado a sempre ter os ídolos à sua disposição, o chamado fan-service. Era o primeiro caso onde um casal quebrava a regra e provava que possuíam uma vida além de seu trabalho.

Hyuna e E´Dawn

Após isso mais casais começaram a surgir, como Kai (EXO) e Jennie (Black Pink) que acabaram terminando meses depois, Heechul (Super Junior) e Momo (Twice) que chegou a gerar certa polêmica devido a diferença de idade entre ambos, e Jinwoon (2AM) com a Kyungri (ex 9Muses). As fãs sul coreanas ainda ficam incomodadas, mas parecem já estarem mais conformadas com a questão, não fazendo mais tanto escândalo quanto faziam antes; a imagem de “ídolo perfeito e exclusivamente das fãs” já está sendo quebrada, mas apenas em namoros e com o casal sendo flagrado junto.

O escândalo mais recente e que está dando o que falar envolve o Chen (EXO) e uma mulher não identificada; dia 13/01/2020 ele assumiu que se casaria esse ano e que também seria pai. O cantor de 27 anos disse estar nervoso em relação a reação das fãs nacionais e internacionais. O que surpreendeu a todos é que a notícia foi em grande parte bem aceita, ainda assim 10 fãs do grupo organizaram um protesto em frente à empresa SM E. exigindo que retirassem o rapaz do grupo, por aquilo ser uma falta de consideração com as fãs.

SM E. já lançou uma nota e afirmou que o grupo não terá alterações em sua formação, o grupo continuará com seus 9 integrantes, em carta a empresa disse “todos os membros do EXO tiveram tempo para discutir o assunto de forma crítica e, como todos os membros do EXO já haviam sofrido as dificuldades de perder membros no grupo, a equipe como um todo retransmitiu seus desejos de continuar com os membros atuais sem alterações. Também respeitamos os desejos dos membros nesse assunto e, portanto, notificamos novamente que não haverá alterações nos membros do EXO”.

Após isso, a calmaria parece ter chegado para as fãs sul coreanas, aceitando até a notícia de Sung Joon já estar casado e ter um filho enquanto Jong Hyuck já está com seu casamento marcado.

Fãs aceitando cada vez mais que seus ídolos são reais e não os bonecos perfeitos divulgados pelo marketing. Logo, é possível que teremos vários K-idols como Taylor Swift inspirando suas obras em seus relacionamentos atuais ou antigos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *