Como ser um(a) Cosplayer

Por Lorena Soeiro

Resolvi fazer um tutorial para ajudar a VOCÊ que quer ser um cosplayer, ou que apenas tenha curiosidade de saber mais sobre o assunto:

Cosplay é uma das atividades mais divertidas que existe. Pode ser seu hobby ou até profissão; nos traz alegria e leva alegria aos outros, mas requer tempo, habilidade, dinheiro e planejamento.

Cosplayer Chapeleiro Maluco

A primeira coisa que você precisa fazer é escolher o seu personagem e o conhecer bem, pois as pessoas terão várias perguntas sobre o personagem, qual versão dele, etc. e, se não tiver uma boa ideia e só pesquisar no Google.

Conforto é algo a ser levado em consideração, pois você provavelmente irá passar o dia em pé em um evento. Eu, por exemplo, não faço cosplay de salto, pois não consigo usar salto o dia inteiro. Então veja se a roupa/acessórios irão te apertar/machucar. Este é o ponto mais importante de qualquer traje de cosplay.

Então, estabelecido personagem e qual roupa e/ou acessórios irá usar, é preciso analisar os custos, pois temos a estimativa inicial de custos e o valor final. Acreditem, o valor final é sempre maior; costumo estimar em 200 reais o gasto e acabo gastando, facilmente, 400. O negócio é pesquisar, se tiver que contratar cosmaker (ou costureira), tem que pesquisar bem o orçamento antes, quanto mais habilidade tiver, menor o gasto, caso saiba costurar, se maquiar ou ainda fazer seus próprios acessórios.

Infelizmente não possuo nenhuma destas qualidades, admiro muito os cosplayers que fazem suas próprias roupas, acessórios; por eles, meu mais profundo respeito. E, como viajo sempre à CCXP (fui em todas as edições até hoje), preciso planejar os gastos com passagem, hospedagem, ingressos e etc.

Cosplayer Coringa

Precisa ser criativo. As vezes os cosplays mais simples agradam mais ao público. O meu do Chapeleiro Maluco foi um dos mais baratos e, pela admiração do personagem, foi o que mais me deu respostas positivas, até hoje.

Você precisa ser organizado, planejar o cosplay meses antes e ter uma meta. Tal mês comprarei o material, outro mês para encomendar itens pela internet (se for internacional como EBAY, podem ser uns três meses. Mais um mês para encomendar a roupa com a costureira, e outro para ver os acessórios.

Fica mais fácil planejar o pagamento e o que precisa ser feito se você se dedicar por uns 4 meses (no total) para cada etapa de seu cosplay. O ideal seria fazer uma lista e marcar no calendário, especialmente se for iniciante.

Cosplayer Mera

Você pode pedir opinião a outros cosplayers, em seu Instagram ou em seu Facebook. Manter contato com outros cosplayers te dá mais opções e talvez possa acontecer um cosplay em grupo (outro grande prazer de quem faz cosplay). Também pode entrar em grupos de WhatsApp ou Facebook para obter dicas.

Agora que você vai fazer seu próprio cosplay saiba que vai precisar, além de tempo e dinheiro, paciência. Vão te pedir para bater foto de você enquanto estiver comendo, descansando, conversando com alguém. Em um auditório, sentado no banco de cinema. Vão pedir para segurar seu acessório, vão pedir várias poses, vão te abraçar, tocar em seu cabelo, sua roupa, tudo isso faz parte, mas, te garanto que, depois do primeiro cosplay, você irá fazer vários mais.

Fazer Cosplay como Hobby (alguns até adotaram como profissão) é gratificante. Somos sempre grande parte do evento. Algumas pessoas dizem que os cosplayers são a melhor parte do evento. Vai te reconectar com tua infância, a sensação maravilhosa de fantasiar-se e fazer homenagem ao seu personagem favorito. É algo que nos mantém imersos no mundo Nerd, nos sentimos parte da comunidade, além de ser superdivertido.

Então, por que não experimentar?!!

————————————————————————————————————————–

Lorena Ferreira Soeiro é Professora tradutora de inglês, Nerd e DCnauta. Ocasionalmente viaja para participar de eventos Nerds e colabora com alguns sites de cultura pop.

Também é detentora do recorde de ter ido em todas as edições da CCXP, em todos os dias, de Cosplay, Incluindo uma edição fora do Brasil, pois estava estudando num pais vizinho.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *