Cosplay: Demolidor

Cosplayer: Cleber Morato

Ficha Técnica:

  • Preço do Cosplay: Incluindo Atualizações na Faixa de R$2.600,00
  • Tempo que demorou para ficar pronto: Primeira Fase: (Protótipo) 8 meses / Segunda fase: 6 meses
  • Dica para quem quiser fazer o cosplay: Hoje em dia está muito mais fácil fazer esta versão, já tem vários moldes pela internet e Cosmakers que podem executar o trabalho; na época não tínhamos referência alguma, portanto, foi tudo baseado em testes, qual tecido, qual o esquema de recorte do traje, se seria uma peça ou várias e por aí vai. A dica que deixo é que, por mais difícil que seja, não desista, porque o resulto vale muito a pena.

Cleber Morato é fã do Demolidor e da série da Netflix, torce para que Charlie Cox volte e interpretar o personagem no Universo Cinematográfico da Marvel ou em uma Série própria em outro serviço de streaming. Ele que começou no universo Cosplay por conta de sua filha Sophia, agora vai junto dela nos eventos, ele de Demolidor, ela de Elektra.

Confira o nosso bate papo na entrevista a seguir:

Super Ninguém: Responda rápido, você trocaria sua visão por sentidos ampliados?

Cleber: Acho que neste caso, excepcionalmente sim, ele tem muito mais vantagens, mesmo sendo cego (risos)

Super Ninguém: Em sua opinião, qual é a melhor história já escrita sobre o Demolidor e por que você escolheu “A Queda de Murdock” de Frank Miller?

Cleber: Boa! A queda de Murdock é um dos melhores arcos do Demolidor, essa saga mostra a que ponto a fé dele pode ser abalada, Matt sempre foi muito fiel aos seus ideais, quando ele se vê realmente sozinho podemos sentir suas angustias, é quase como se fosse possível ser ele, é uma hq que realmente te leva para dentro dela e separa os homens das crianças, porém também gosto muito de O Diabo da Guarda.

Cosplay Demolidor: Cleber Morato

Super Ninguém: Aliás, Miller também é responsável por uma das melhores histórias do Homem Morcego (para muitos, a melhor), que é o Cavaleiro das Trevas.
Batman, Demolidor, são personagens sem poderes, ou, no caso do Demolidor, com pouco poder (o que são sentidos ampliados quando se está ao lado de um Deus do Trovão, não é mesmo?). Por que você acha que esses personagens são
tão populares?

Cleber: Creio eu que muitos se identificam justamente por eles serem pessoas “comuns”, a gente se sente mais próximo dos heróis (tirando a grana do Bruce rs), se bem que agora esta em uma vibe que o Demolidor assume o lugar de Heimdall com sua espada e agora meio que ganha poderes.
Uma dica é a HQ em que Batman e Demolidor se encontram. é bem bacana.

Super Ninguém: Demolidor assume o lugar de Heimdall? Jesus, quero distância desta HQ tanto quanto mantive distância da HQ em que o Justiceiro ganha poderes sobrenaturais. Vamos mudar de assunto, a versão do seu Cosplay é a do Demolidor da série da Netflix, tem algum motivo em especial para você ter escolhido ela ao invés da versão dos quadrinhos?

Cleber: Por mais que eu goste demais das versões da HQ, sempre me perguntei se seria algo funcional caso fosse real, com alguns filmes a gente teve a oportunidade de ver algumas alterações que deram certo como foi o traje tático do Demolidor, quando eu vi fiquei maravilhado e na hora tive a certeza de que queria te-lo, não me sentiria tão bem com um collant ao estilo Homem Aranha rs.

Cosplay Demolidor: Cleber Morato

Super Ninguém: Falando na série, o que você achou de suas três temporadas e de seu cancelamento por parte da Netflix?

Cleber: Eu meio que sou suspeito para falar, mas todas foram perfeitas, a primeira eles seguraram ao máximo para mostrar o traje, mas quando mostrou foi realmente “O uniforme”, acho muito injusto o cancelamento, se bem que tenho quase certeza de que ele retorne em um futuro próximo no MCU ou em sua série própria em outra plataforma, aguardo esperançoso que não rebootem, pois não imagino outro ator interpretando Matt Murdock com a mesma qualidade de Charlie Cox.

Super Ninguém: Concordo plenamente, é quase certo que cedo ou tarde a Marvel Comics irá inserir o Demolidor em seu universo cinematográfico (aqui no site, nós ignoramos a existência do filme com Ben Affleck). Você considera então que Charlie Cox é insubstituível?

Cleber: Ahhh, o Demolidor do Affleck não foi tão ruim, é filme de sessão da tarde rs, mas por hora não vejo ninguem substituindo o Charlie Cox, ele interpretou com maestria, em algumas cenas chegamos realmente a achar que ele seja cego, sua interpretação, os detalhes e trejeitos que ele usa são fantásticos!

Super Ninguém: O Demolidor de Affleck não foi tão ruim? É, se parar para pensar teve coisa pior indo para as telas dos cinemas. Foi difícil encontrar alguém que fizesse o traje? Houve alguma dificuldade na produção?

Cleber: Sim, varias dificuldades, antes dos Cosmakers que o criaram, eu procurei outros, cheguei até a fechar com um, mas a falta de referencias, materiais e mão de obra compatíveis na época acabou fazendo ele desistir do projeto, o primeiro traje que criamos foi feito de um tecido que se assemelhava com o da série, porém era bem rígido e não tinha elasticidade, no meu primeiro evento foi muito desconfortável usa-lo, ele se rasgava ao se movimentar mais bruscamente, como estava em cima do evento eu acabei usando e apesar do sucesso que o cosplay fez no dia, foi uma experiencia não tão agradável ter que ficar “travado” o evento inteiro.

Cosplay Demolidor: Cleber Morato / Cosplay Elektra: Sophia (filha de Cleber)

Super Ninguém: Olhando as fotos dá a impressão de que você enxerga tudo vermelho, ou não? Você consegue utilizar o traje durante várias horas seguidas?

Cleber: Sim, eu realmente enxergo tudo vermelho, uma das desvantagens, quanto mais escuro o ambiente, mais vermelho fica, hoje em dia o traje é muito confortável, tanto que na ultima CCXP usei ele por mais ou menos umas 6 horas seguidas tranquilamente.

Super Ninguém: Só quem é cosplayer sabe a importância de um cosplay confortável, ainda mais em eventos de longa duração. Falando em eventos, em quais deles você utilizou esse cosplay?

Cleber: Comic Con Experience, Anime Santos, Festival Geek, e mais alguns…

Super Ninguém: Qual a importância do universo Cosplay em sua vida?

Cleber: Fundamental, comecei levando minha filha de cosplay aos eventos,
ela me incentivou a fazer e hoje fazemos a alegria dos fãs da cultura Geek,
é muito gratificante ver a galera elogiar e se sentir mais próxima do seu
herói favorito, acho que vivemos em um mundo onde as vezes esquecemos do que queríamos ser quando eramos criança e o cosplay traz a realidade esse sonho. Não tem nada mais legal do que estar passando e alguém gritar
“Adoro você Demolidor” ou ” E Ai Matt?”.

Super Ninguém: Sério? Você começou no universo Cosplay por causa de sua filha?

Cleber: Sim, ela se chama Sophia e faz Cosplay da Elektra, também do seriado do Demolidor, em todos os eventos que vou, eu levo ela, que tem até mais cosplays do que eu kkkk.

Super Ninguém: Você começou levando ela e depois se interessou pelo universo Cosplay? Que outros cosplays a pequena Sophia faz?

Cleber: Sim, ela começou a ir comigo, ambos à paisana, depois decidimos fazer um simples para ela, de mulher maravilha, ela adorou e fez muito sucesso na CCXP, depois ela escolhia os cosplays, veio Ash de Pokémon, Ravena de Jovens Titans em ação e por último, esse da Elektra, ela já está pensando nos próximos.

Super Ninguém: Desejamos toda sorte do mundo para você, Cleber e para a pequena Sophia, que continuem ambos dividindo bons momentos dentro desse universo que todos nós tanto amamos.

Trailer Terceira Temporada Demolidor

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *