Espectro Girl: Her Blue Sky, um novo caso de família

Por Espectro Girl

“Her Blue Sky”, também conhecido em seu nome original “Sora no aosa o shiru hito yo”, filme de 2019 que conta a história de Aoi Aioi e de sua irmã mais velha, Akane Aioi.

Akane está para completar seu ensino médio, como atividade extracurricular acabou por se juntar com alguns amigos para formar uma banda, mesmo que não toque nada e apenas fique na parte de gerência de tudo, todos eles a consideram uma peça fundamental para que o futuro deles na música decole definitivamente.

Aoi sempre esteve junto com a irmã mais velha, quando tinha por volta de seus cinco anos estava sempre presente nos ensaios, ficava encantada com todos aqueles amigos da irmã tocando de forma empolgada e animada, quando foi questionada se ela gostaria de entrar na banda quando fosse mais velha, disse que gostaria de entrar como baixista.

Tudo estava preparado para irem para Tokyo e oficialmente assumirem a carreira musical, mas um imprevisto abalou a todos, principalmente o relacionamento que Akane possuía com o guitarrista e seu namorado da época, Shinnosuke. Em um acidente fatal, as irmãs Aioi tornaram-se órfãs, forçando a recém-formada no ensino-médio a abandonar todos os seus sonhos e objetivos para focar inicialmente em criar sozinha sua irmã caçula, Aoi, que não entendia o porque da irmã ter discutido com o rapaz de cabelo vermelho e uma marca de nascença no olho idêntica a sua. Depois daquela briga em frente ao local no meio do nada que ensaiavam, eles nunca mais se encontraram ou tentaram contato.

Treze anos se passaram desde então, Aoi acabou  por seguir o rumo como baixista mesmo sendo considerado impróprio para mulheres, veio a se tornar uma adolescente rebelde e frustrada, exausta por sempre se ver comparada com a sombra da própria irmã, sempre escutando como Akane era perfeita e esforçada e ela era apenas uma jovem desleixada.

Certo dia, a caçula decide ir treinar seu instrumento por conta própria e acaba por se estabelecer em um local abandonado no meio do nada. Se acomoda, coloca seus fones e começa o seu treino, até alguém surgir ao seu lado dizendo como estava com um péssimo afinamento.

Como qualquer pessoa sóbria e com amor pela própria vida, a garota correu do local desesperada, largou todos os pertences para trás, mas estranhamente ninguém a seguiu.

No dia seguinte cogitou que o desconhecido já não estivesse mais lá e retornou para recuperar seus bens, mas algo ainda mais inesperado aconteceu. Shinnosuke estava lá, o ex-namorado de ensino médio de Akane, mas ele não tinha envelhecido como deveria. Ele estava idêntico ao dia em que as Aioi se foram para longe da banda.

Capa Promocional para o Filme

A cidade onde toda a história se passa é a mesma onde Anohana e Kokoro ga sakebitagatterun da, por mais que isso pareça um bom sinal, não se deixe enganar.

Com a possibilidade de diversas opiniões subjetivas sobre o filme, a questão de existir dois Shinnossuke ao mesmo tempo, um de dezoito e outro de trinta e um, pode-se interpretar como a esperança dele que morreu naquele momento em que o relacionamento com Akane foi terminado, pode ser seu gosto musical que se perdeu ao não ter mais em mãos a oportunidade de ir para Tokyo seguir o seu sonho, até mesmo sua vontade de viver.

Shinno, como era chamado até os dezoito anos pela Aioi mais velha, sempre foi um rapaz animado, energético e extrovertido, aberto para todos os desafios e oportunidades, enquanto o Shinnosuke de trinta e um anos se tornou um homem ruim e sem gosto pela vida, tornando-se rude e mulherengo, guitarrista de um famoso cantor do gênero enka, perdendo completamente a essência que tinha treze anos atrás.

Dizem que duas cabeças pensam melhor do que uma, o problema é que em quatro cabeças ninguém foi capaz de raciocinar o filme e muito menos entender a razão de tantos elementos mal utilizados em sequência.

A fotografia e a trilha sonora são realmente boas, fazem jus de fato ao nome do diretor e da equipe, mas a história deixou a desejar. Eles tinham todos os elementos, tinham a faca e o queijo na mão, pois eles decidiram pisar no queijo e enfiar a faca no peito.

Um dos principais elementos era o Shinno estar aprisionado no antigo local de treino da banda, era como se sua juventude estivesse presa ali desde o momento em que não pode ir para Tokyo, o rapaz jovem de fios vermelhos estava aprisionado ali de forma simbólica, quando Aoi conseguiu o libertar e fez ambos os Shinnosuke terem contato fora desse ambiente, foi uma das piores cenas da animação.

Akane e Aoi respectivamente

Talvez até mesmo a morte de algum personagem tivesse sido uma conclusão melhor para o resultado final do filme, talvez até mesmo falar que aqueles treze anos foram alucinações da Akane por ter ficado traumatizada após a perda dos pais teria sido melhor, mas de alguma forma eles conseguiram perder todos os elementos que davam essência para a animação.

É recomendado para quem está a fim de chamar os amigos para jogar tempo fora enquanto faz criticas avulsas do filme sem dar a devida atenção, pois quanto mais se nota os detalhes, mais desesperado seu inconsciente fica querendo consertar todo aquele caos.

_____________________________________________________

Espectro Girl está pensando em lançar uma coluna chamada “Porque eu não gostei desse anime”

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *