Cosplay: Shazam!

Cosplayer: Junior Wentz

Qual o preço do Cosplay: R$1.600,00

Quanto tempo demorou para terminar: 2 anos

O que mais deu trabalho para fazer: os leds do peitoral porque precisávamos achar uma maneira de deixar a luz homogênea, ou seja, iluminar toda parte do peitoral sem aparecer os pontos de led, e tbm as botas , demorei para encontrar a pessoa certa para fazer do jeito que eu queria.

Dica para quem quiser fazer este cosplay: leia sobre o personagem antes, descubra a verdadeira essência dele e faça como eu , aos poucos vá incrementando, até ficar do jeito que você quer e, claro, se não tem o dom de cosmaker como eu , procure os profissionais certos.

Super Ninguém: Shazam e Superman tem poderes bastante semelhantes, por assim dizer, o que até chegou a render um processo da DC Comics contra a – na época – editora dona dos direitos do personagem. O que levou a escolher fazer cosplay do Mortal mais poderoso do mundo?

Júnior: Realizo um evento nerd aqui na minha cidade, e nesse evento conheci alguns cosplayers e grupos que vieram de outros lugares ao meu convite, e um desses convidados que na época fazia o Superman me falou: ”cara  pelo seu tamanho e porte você deveria fazer o Shazam , tá pra sair o filme dele agora e você é parecido”, ai comecei a procurar e explorar a sua historia, gostei, achei motivadora, me identifiquei e fui atrás…

Cosplay Shazam / Cosplayer: Júnior Wentz

Super Ninguém: O que você achou do filme Shazam e da interpretação de Zachary Levi?

Júnior: Achei o filme fantástico, vi várias matérias pós filme falando que várias crianças tiveram esperança de serem adotadas novamente e isso pra mim já deixou o filme mais perfeito ainda, e acho que o ator cumpriu exatamente com o papel do personagem.

Super Ninguém: Nos quadrinhos existe alguma história preferida com o personagem?

Júnior: Com certeza a do Shazam número 1, onde conta o inicio da sua história.

Cosplay Shazam / Cosplayer Júnior Wentz

Super Ninguém: E nos eventos em que você foi fantasiado de Shazam, qual costuma ser a reação?

Júnior: Já vivi varias reações com meus fãs, choro , risadas , brincadeiras diversas, fotos divertidas, cantadas, mas a melhor cena como Shazam foi que ao final do filme duas crianças me  estavam bem lá em cima na ultima fileira e fizeram a maior cara de espanto que eu já vi, então fomos nos encontrar e eu recebi vários abraços e beijos e elas me agradeceram por salvar o mundo …

Super Ninguém: Além desse cosplay, você faz ou pretende fazer outros? Quais?

Júnior: Sim, faço Capitão América,  Máquina de Combate, Homem Aranha, Hulk, Gambit  e os próximos projetos são o Superman do traje preto e barba e o Senhor fantástico.

Super Ninguém: Você é diretor da Liga dos Heróis, uma entidade beneficente que atua na sua região. Fale um pouco mais do trabalho da Liga e dos cosplayers que fazem parte dela.

Júnior: O projeto começou comigo somente durante um ano, depois entraram mais pessoas, hoje somos em torno de 40 cosplays, visitamos hospitais e comunidades carentes e fazemos campanhas de doações de donativos em toda região, temos 3 matérias publicadas pela rede globo já.

Super Ninguém: Tem alguma história que lhe marcou mais dentro da Liga dos Heróis?

Júnior: Ao fazer uma visita ao hospital durante umas 3 horas retornei a minha casa e logo recebi uma ligação, era de uma enfermeira dizendo: ” Capitão, teve um menino que estava na quimioterapia e ficou sabendo que você estava aqui hoje, mas não pode te ver e perguntou se você iria voltar. Imediatamente conformei meu retorno a cidade no outro dia (cidade que fica a 1:30 minutos da minha). Na época lembro de pedir dinheiro emprestado para abastecer, cheguei lá, me deparei com um menino muito debilitado por conta do tratamento,  ele conseguiu olhar pra mim , me deu a mão com muito sacrifício e disse: “muito obrigado capitão” . Na mesma hora colei um adesivo no soro dele e falei: “parte do meu poder vai entrar nas suas veias agora junto com o soro, esta se sentindo mais forte?” E ele respondeu que sim. Passaram 3 dias e recebi uma ligação da mãe do menino me agradecendo por ter deixado seu filho mais forte e mais tempo com eles, mas que infelizmente no terceiro dia faleceu. Faça sua parte, se esforce, vale a pena, seja um herói da vida real.

Super Ninguém: Caso alguém queira participar como cosplay da Liga, como deve fazer?

Júnior: Deve entrar em contato comigo, preencher o formulário de perguntas e participar de uma reunião,  após isso a diretoria decide sua participação.

Super Ninguém: Por último, qual a importância do universo cosplay na sua vida?

Júnior: O universo cosplay me mostrou que Heróis existem e não precisam ter super poderes para salvar vidas , basta ter CORAÇÃO.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *