Sobre

Super quem?


Ninguém, Super Ninguém, prazer.
Outro site de entretenimento, sério?

Sério, o menor e menos acessado site de entretenimento do mundo, essa é nossa primeiríssima meta, e veja só você, já a atingimos. Por aqui devem passar uns poucos parentes, meia dúzia de amigos e um ou dois desavisados que caíram de paraquedas.

Se você não é parente ou um amigo, então, é um desavisado.

Sendo assim, melhor já ir avisando, sites de entretenimento exigem dedicação, comprometimento, seriedade, e não temos nada disso.

Para conseguir espaço na guerra por popularidade, teríamos que ser inovadores, mas, não somos, porque isso dá trabalho, e estamos cansados.

Pelo menos somos imparciais, como critério mantemos uma equipe com 40% de fãs da Marvel, 40% de fãs da DC Comics e 20% cuja única função é falar mal de ambas.

Sério, estamos aqui pela diversão e não temos ideia do que estamos fazendo.


Mentira, nosso sonho é ser subcelebridade, sermos chamados para programas de entrevistas, virar fofoca na Sônia Abrão, participar da Fazenda na Record, abandonar a corrida dos ratos, mas, vamos combinar, não vai rolar; chegamos tarde na festa, somos velhos, rabugentos, não conhecemos ninguém e somos tão carismáticos quanto o Lula Molusco.

Nós te entendemos, Lula Molusco.

O que provavelmente vai acontecer é que vamos seguir em frente por um tempo, empolgados, colocando matérias, entrevistas, falando sobre tudo e sobre nada, Patrulha Canina e Death Note, Monteiro Lobato e Charles Bukowski, Juiz Dredd e Howard, The Duck, Rafinha Bastos e Jeffrey Dahmer...bom, talvez Rafinha Bastos seja passar um pouco dos limites...mas, enfim, depois de um tempo, o navio vai afundar, porque vamos inventar outra coisa ou voltar para o hospício.

O capitão sempre afunda com a embarcação, mas ele saiu para o almoço e os marinheiros tomaram conta do navio. Aproveite enquanto estamos aqui e faça seus comentários, responderemos e o trataremos como se fosse o nosso único leitor...porque talvez você seja mesmo.